Coincidências...ou não há Coincidências?

http://www.elcine.ws/sitio/images/stories/peliculas/usa/MariaAntonieta/mariaantonieta.jpg

 

1º. -  Esta semana, na 3ª.feira, na aula de Cultura Geral da Aposénior, comentou-se o facto de o rei D.João II ter falecido só, sem a Corte a acompanhar essa passagem na vida de todos os mortais, visto encontrar-se em tratamento numas termas do Algarve.

Divagámos então, sobre a necessidade ou não, de viver momentos tão intensos, em intimidade ou publicamente...e logo comentei sobre as cenas trágico-cómicas do filme de Sofia Copola..."Maria Antonieta".

Embora no filme tudo seja levado ao extremo, não deixa de mostrar, de um modo leve e muito claro, a vida daquela jovem austríaca.

Entre muitos cenas, ora trágicas. ora hilariantes, a jovem Maria Antonieta dá à luz, no seu quarto (?) amplo, sem portas, enorme, quase num corredor (conhecem Versailles?), perante um público - a tal corte - crítico, curioso, mal dizente, coscuvilheiro, de damas devassas e cínicas e de cavalheiros hipócritas. Pobre menina rica...essa Maria Antonieta...

 

2º. - Gosto de ver no canal Travel, as viagens  que fazem,  e que me despertam curiosidade, sonhos e recordações.

Bem, igualmente na 3ª.feira à noite, o citado canal ofereceu uma viagem a Paris e Versailles!

Não despreguei do sofá e ali fiquei a recordar...

Eis senão quando, no dito Palácio de Versailles e ao mostrar o quarto de Maria Antonieta, a Guia, referiu precisamente a cena a que aludi acima, ou seja, a falta de intimidade que a raínha viveu ao dar à luz os seus filhos.

Fiquei arrepiada e siderada...Que coincidência!!! Ainda de manhã a falar deste assunto...

 

3º. - Há dias faleceu o marido de uma antiga colega minha, a Conceição  Antunes.

Como já estamos aposentadas, o contacto perdeu-se e quem me informou o sucedido foi igualmente outra colega.  Bem, fiquei triste por não poder ir dar-lhe um abracinho e pedi que me providenciassem o telefone dela, para mais tarde lhe falar um pouco.

Ontem à tarde, resolvi pegar numa  toalha de renda, a que acrescento mais umas carreiras, de vez em quando...Já não lhe pegava há umas semanas...É uma toalha muito bonita, e, cuja amostra me foi dada, precisamente, pela São Antunes...

Estava com a toalha no colo, a dar à agulha e a recordar os trabalhos belíssimos que a São fazia e que tanto gostava de partilhar, quando... toca o telefone.

Era a informação do número de telefone dela! Voltei a ficar arrepiada!

A pensar nela e a enviarem-me o contacto dela...

O Universo está sempre a mandar-me mensagens!

Existem sincronicidades porque Alguém está sempre a mexer os cordelinhos!...

publicado por Belisa Vaio às 09:07 link do post | comentar | favorito