Sexta-feira, 27.08.10

Relâmpagos Mentais...

 

Tenho andado meio perdida...e a precisar de me encontrar por aqui...

Como que a procurar explicações e a correr atrás delas, tal como quando corri quilómetros atrás da magia destes arco-íris...

Foi num domingo à tarde...enquanto conduzia, deparei, do meu lado esquerdo,  com este magnifico espectáculo: dois arco-íris...

Sou louca por estes fenómenos da Natureza...

Coloridos e transparentes, longínquos e tão próximos que quase se tocavam e atravessavam...

Deslumbrante...misterioso...fascinante...

Tal qual se sente a minh'alma, com as visões (relâmpagos mentais) que tive esta semana...

Como explicá-las? Não há nenhum Dr. Brian Weiss por aqui perto...mas que dava jeito, dava!

Por isso, vou guardá-las no meu coração e aguardar com tranquilidade a chegada do momento em que serão "descodificadas"...

Misteriosos e fascinantes...esses relâmpagos...

Quinta-feira, 19.08.10

Hoje IRRITEI-ME !!!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Acontece!

Ou ando com os nervos à flor da pele...ou  tenho mesmo razão...

Ora ...leiam...

Quando se trabalha no Atendimento Público de uma qualquer repartição, seja do Estado ou privada, os funcionários, no meu modesto entender,  além de se exigir que sejam competentes e bons profissionais, devem também ter qualidades humanas que se possam reflectir no atendimento/relacionamento com os utentes.

Hoje, na parte da tarde, senti-me vítima de duas situações menos simpáticas, que de algum modo, demonstram o estado de desgoverno  a que o nosso pobre país chegou. Foi muito para uma tarde só...

Bem, a primeira situação aconteceu no Governo Civil de Coimbra.

Por impossibilidade de o fazer pessoalmente, um amigo pediu-me que, naqueles serviços, lhe levantasse o passaporte. Deu-me um talão, dizendo-me: lá, assinas aqui e leva o B.I.para conferirem a tua assinatura.

Tudo bem. É o mínimo que se faria para levantar um documento que eu considero importante.

Não. Para os serviços...ou para o funcionário que me atendeu. esse rigor não existe.

Olhou o papel, foi buscar o livrinho e entregou-mo, simplesmente.

E eu pergunto apenas: e se eu pertencesse a uma rede de falsificadores? e se eu quisesse roubar aquele passaporte?

De quem é a culpa desta negligência, desta incompetência, deste convite à fraude?

É um desabafo...

 

Passada nem 1 hora, outro episódio...

No Lar de Idosos onde minha Mãe se encontra, dirigi-me à Secretaria para liquidar as despesas mensais...

Ao fazer menção de entrar, chega uma chamada - particular - para a funcionária.

Fiquei no corredor, esperando. E a conversa acabou? Nada...limpezas para cá, empregadas para lá, eu p'ra matar o tempo de espera, antes que ele me matasse a mim, até os mosaicos do chão contei...

Não valeu de nada, porque ela, distraída com a amiga, estava longe das minhas matemáticas...

E ela ganhou, porque eu cansei-me de esperar,  dei meia volta e vim-me embora...

Será que ela ainda está ao telefone?

sinto-me:
publicado por Belisa Vaio às 22:37 link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 18.08.10

Cartas de Tarot...o que pensar?

https://1.bp.blogspot.com/_FrUnBS-tTfY/TAFb5huciDI/AAAAAAAABhI/J8QUkuGFgdo/s1600/mago2.jpg

 

O que pensar?...TUDO...

Ao primeiro impulso...acredito...ao segundo... desconfio...

Pois, mas no que respeita a isto do Tarôt, balanço, com fortes tendências para acreditar...

Eu explico...

Tenho um jovem amigo que pôe cartas de Tarôt...

É uma "adivinhação" que me desperta curiosidade...como se deitam as cartas e o seu significado...a mensagem que se "lê" em cada uma, o contexto em que se inserem, bem...mas...

Quando se vai a uma consulta é na expectativa de nos dizerem o que queremos ouvir!!!

E quando elas nos dizem coisas que nem nos passam pela cabeça? E, mais tarde, tudo acontece como o previsto?

Pois o meu amigo tem esse dom... 

Por qualquer explicação que me ultrapassa - e que pertence, garantidamente, ao mundo do misterioso e do desconhecido -  ele, imbuído de uma inspiração paranormal, penso eu, "adivinha" mesmo o nosso futuro!!!

Sem publicidade, a evidência passa de boca em boca e ele não tem mãos a medir, porque todos continuamos a querer conhecer o que há-de vir...

Que mania!!!   


publicado por Belisa Vaio às 10:24 link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 16.08.10

Meu querido mês de Agosto...

 

 

Chega Agosto e...vai-se o sossego...que me perdoem os nossos emigrantes...

Eu explico...

Está-nos na massa do sangue...

Portugal sempre foi um País grande demais  para caber num espaço tão pequeno! Ele é o Atlântico em metade da fronteira e a Europa na outra metade!

Nos principios do século passado,  foram o Brasil e mais tarde as colónias de África,  as grandes miragens que prometeram àrvores de patacas!

Depois a partir dos anos 50, a Europa,  a começar pela França, foi o salto - e a Salto - para o sonho de uma vida melhor que um dia pudesse construir uma casa - estilo maison - na encosta da serra e virada para o Sol...sempre tão cinzento em terras europeias...

Hoje em dia, a crise generalizada do desemprego, mas também as facilidades trazidas pela abertura de fronteiras na Comunidade Europeia - a que também pertencemos -  leva muitas famílias a procurar trabalho na Europa e a regressar de férias ...no mês de Agosto...

E aí está !!! Acho que a nossa população duplica!

Ele são carros com matrículas que dizem tudo e que nos ultrapassam como que se a estrada fugisse...

A mistura de línguas entre pais e filhos e os avós, de cá, espantados por não entenderem de que falam os seus...

Repartições apinhadas de papéis, com compras de casas pelo meio e advogados e dentistas sem tempo para acudir a tanta gente...

Carrinhos, no supermercado a abarrotar de compras...

Festas e romarias em TODAS as aldeias...em que até os Santos colaboram com boa vontade...ou não se alterassem as respectivas datas festivas, para que todos se Festejem no Mês de Agosto!!!

Arraiais até às tantas, com conjuntos populares e músicas que falam sempre do regresso à santa térrinha...

Igrejas com sonoros repicar de sinos,  testemunhando casamentos e baptizados, que só na terra natal é que são p'ra valer...

Praias e corpos morenos que se desforram neste mês... e querem levar de volta um pouco so Sol português...

 

Enfim...para quem aqui vive o ano inteiro,  perde-se  a tranquilidade no mês de Agosto, mas Portugal também não seria o mesmo sem o regresso dos nossos emigrantes.

Que voltem muitos, alegres, felizes...porque também nós rejubilamos com a vossa felicidade!

 

sinto-me:
publicado por Belisa Vaio às 09:18 link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 13.08.10

Boas Férias!

 

Que ricas férias!

 

Muiiiiiito calor, sol, saúde, boa disposição, gasolina no carro e dinheiro pra gastos...e aí estão duas Amigas armadas em turistas, que descobriram que Coimbra...é muito mais que uma canção...de sonho e tradição...

publicado por Belisa Vaio às 22:23 link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 04.08.10

Para Meditar...

 

Como fotografia, pode não ter grande qualidade...mas é uma das imagens da minha Vida...

 

Eu explico...

 

Há uns anos fui passar uns dias ao norte de Portugal, mais propriamente a Vilar de Perdizes...

No domingo de manhã e para saborear na totalidade os tradições daquela região transmontana, dirigi-me à Igreja local, onde o querido Padre Fontes iria celebrar a Missa.

O dia lindo, o Sol magnífico, a paisagem de cortar a respiração e eu, fazendo horas ali pelo adro...

Começo a ouvir um motor de tractor agrícola e virei-me...ao domingo é "pecado" trabalhar...na agricultrura, pensei eu.

Só tive tempo de registar o momento da grande lição de fé...

O tractor transportava 5 idosos para a Missa. Todos teriam mais de 80 anos...e se repararem também com problemas de locomoção...

A Fé remove montanhas e ultrapassa todos os obstáculos...e nós tantas vezes, sem um minímo de razão, desistimos de viver...

Não é para meditar?

Segunda-feira, 02.08.10

Auto Estima...em Alta!!!

 

 

Quando me lembro "daquele" dia...vem-me logo à memória um ..."Volto já!"...

 

A minha amiga Bete. no seu - http://intercambiando.blogs.sapo.pt/ - no post "Quem ri à toa, atrai bons fluídos", teve o condão de me recordar um dos momentos mais bonitos, que vivi...aos 60 anos!

 

Vejam...

Uma linda festa de casamento...um cenário idílico...alegria e felicidade...sol e amizade, enfim, tudo a correr pelo melhor...

Terminado o banquete, passei pelos lavabos e ao lavar as mãos, gostei do que vi ao espelho: eu estava com óptimo aspecto, o penteado aguentara-se e até estava giro, os brincos ficavam-me bem, o tom de pele cor de pêssego, enfim sentia-me MESMO bem!

Como a máquina fotográfica não cabia na bolsinha e me andava a incomodar, resolvi ir pô-la ao carro.

Subi as escadas que davam acesso ao parque automóvel e ao descê-las, fi-lo muito devagar, saboreando, literalmente, a beleza do pôr do sol, do jardim envolvente, da música de dança que já se ouvia...enfim...saborear a felicidade do momento...

"Volto já!"...acordei...

À minha frente, parado no degrau de baixo, um lindo rapaz, desconhecido, mas também convidado da festa, alto. moreno, com metade da minha idade...com qualquer coisa nas mãos...

e repetiu...

"Eu volto já!"...

Não seria para mim...olhei para trás, procurando alguém a quem ele dirigia aquelas palavras...

Nada...só eu estava ali...

E ele continuou...

"Vou só pôr isto ao carro e vamos já dançar..."

Voltei a acordar...

Era para mim...

Continuei a caminhar, pairando, levitando sobre a relva do jardim ...

Eu estava FELIZ...e...por isso...

Álguém, com metade da minha idade, teve a coragem de me Amar... por uns momentos...

 

 

sinto-me:
música: EMOÇÕES
publicado por Belisa Vaio às 22:03 link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

mais sobre mim

pesquisar

 

Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
17
20
21
22
23
24
25
26
28
29
30
31

últ. comentários

mais comentados

links

subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro