Hoje sinto-me assim!

 

 

 

Acabo de chegar da Ilha desta simpática vendedeira de flores...

A minha fadiga, tem outras origens, que não o trabalho...

Viagem p´ra lá, viagem p´ra cá, amigos e amigas a abraçarem a minha alma...

Olhos que tudo querem ver, coração que tudo quer gravar...sabores a não perder e sol a aquecer-me...

Passeios... tranquilos, imagens...soberbas, simpatia...muita, mas...descanso ou cansaço??...

Cheguei hoje... cansada...

Quero, porém, regressar aqui, começando por prestar homenagem ao cansaço desta senhora...que descobri no Mercado dos Lavradores, no Funchal...

Fixei esta imagem ao cair da tarde...ela acordou ao "clic" da máquina e disse-me que já ali estava a trabalhar desde a madrugada...

Bom descanso...senhora...que o seu é merecido...

 

sinto-me:
música: Bailinho da Madeira
publicado por Belisa Vaio às 22:49 link do post | comentar | favorito